Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


 

Porto acolhe a estreia em Portugal do norte-americano no próximo sábado

O misterioso músico norte-americano Jandek vai dar um concerto raro, o primeiro em Portugal, no próximo sábado, às 19 horas, no Auditório de Serralves, a abrir um ano de festas de aniversário da fundação e museu do Porto.

O concerto é o primeiro evento neste auditório integrado nas comemorações do vigésimo aniversário da Fundação de Serralves e do décimo aniversário do Museu de Arte Contemporânea de Serralves, que se celebram este ano.

"É a estreia em Portugal de um dos mais fascinantes e enigmáticos músicos contemporâneos e uma das poucas oportunidades de ver uma apresentação ao vivo deste norte-americano do Texas, que raramente faz concertos ou dá entrevistas", salienta a fundação, em comunicado.

A fundação destaca o que se pode ler na primeira página do site de Jandek na internet (http://tisue.net/jandek/). "Toda a gente sabe uma coisa sobre Jandek: ninguém sabe nada sobre Jandek. Não há nada, a não ser a música".

"Jandek não é uma pessoa, mas um projecto musical. Os álbuns e os (poucos) concertos são atribuídos a Jandek, mas o homem que aparece nas capas dos álbuns e em palco é apresentado como 'um representante da Corwood Industries', a misteriosa editora discográfica que editou todos os seus 54 álbuns, desde 1978 até 2008", salienta a fonte.

Em Serralves, Jandek apresentar-se-á sozinho em palco, ao piano, e no dia seguinte, às 16 horas, será exibido um documentário (www.jandekoncorwood.com) em torno de Jandek e da Corwood Industries realizado por Chad Freidrichs em 2003, um ano antes da primeira aparição em público do músico.

A estreia pública de Jandek aconteceu em Outubro de 2004, com um concerto em Glasgow, Escócia, no festival Instal.04, a que se seguiu uma série de outras apresentações, "quase todas com o mesmo formato: o músico, completamente vestido de preto, canta e toca guitarra, acompanhado por músicos locais".

"A música é, por regra, eléctrica e com uma grande dose de improviso, mas em concertos recentes Jandek tocou temas mais calmos, por vezes ao piano, acompanhado por harpas ou flautas", acrescenta a fonte. [In JN]

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:59


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog




Links

Outras Foleirices

Comunicação Social

Lugares de culto e cultura

Dicionários

Mapas

Editoras

FUNDAÇÕES

Revistas