Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Por outras palavras - Manuel António Pina

por Carlos Pereira \foleirices, em 08.10.08
 
 
"Inteiramente português"
 

"INTEIRAMENTE PORTUGUÊS"

O tempo (e não foi preciso muito) acabou por fazer justiça à proclamação do Governo, repetida por jornais e TV, de que o "Magalhães" é "inteiramente português". Que não, gritou-se por aí (especialmente na blogosfera, esse submundo, como diz António Costa, presidente, pelo que tem vindo a saber-se, de uma câmara do outro mundo), que, de português, a jóia da família do Plano Tecnológico só tinha a embalagem e algum software. Notícias de ontem dão finalmente sentido à expressão "inteiramente português".

Parece que a empresa que o produz vai ser julgada por ser uma das artistas de um número de circo fiscal internacional designado "carrossel do IVA", onde teria o papel de destinatário final de um animado circuito de vendas fictícias de material informático. Portanto, uma empresa portuguesa com certeza, e um computador "inteiramente português" por genéticas e inteiríssimas razões. Isto acrescendo ao facto, não menos português, de a ideia do Classmate/"Magalhães" ter sido posta pela Intel no ninho do XO de Negroponte. O nome "Magalhães" é que foi mal escolhido. Devia ser "Fernão Mendes Minto".

_________________________________________________________

 

E o "Diário de Notícias" noticia que:

JP Sá Couto não informou Governo
Processo. Presidente da empresa fabricante do 'Magalhães', arguida num processo de fraude fiscal, (…)

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:13



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Livros Técnicos Fev 2020 - Mrec



Links

Outras Foleirices

Comunicação Social

Lugares de culto e cultura

Dicionários

Mapas

Editoras

FUNDAÇÕES

Revistas