Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



 

Poemas inéditos de Branquinho da Fonseca foram editados, pela primeira vez, através da Imprensa Nacional-Casa da Moeda. Os poemas, que integrariam o livro "Vento de Longe", surgem no primeiro volume das obras completas do escritor, que reúne também textos dispersos.

 

In Jornal

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:36


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog




Links

Outras Foleirices

Comunicação Social

Lugares de culto e cultura

Dicionários

Mapas

Editoras

FUNDAÇÕES

Revistas