Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




#2409 - TENTO POETICANENTE

por Carlos Pereira \foleirices, em 28.05.17

 Lubertus Jacobus Swaanswijk, plus connu sous le nom de Lucebert (1924-1994

 

TENTO POETICAMENTE

 

isto é

de singeleza iluminadas águas

o espaço do pleno viver

exprimir

 

não fosse eu  homem

igual a uma multidão de homens

mas fosse eu quem sou

o anjo pétreo ou líquido

nascimento e putrefacção não me teriam tocado

o caminho de desamparo a comunhão

caminho pedras pedras bichos bichos pássaros pássaros

não ficaria tão sujo

como agora se vê nos meus poemas

instantâneos desse caminho

 

o que sempre se chamou beleza

beleza hoje queimou o rosto

já não consola o homem

consola as larvas os répteis os ratos

ao homem assusta

ferindo-o pela consciência

de que é migalha de pão na saia do universo

já não só o mal

a punhalada mortal nos humilha ou revolta

igualmente o bem

o abraço nos faz remexer desesperadamente

no espaço

 

por isso eu procurei a linguagem

em sua beleza

lá ouvi que ela de humano apenas tinha

os defeitos de fala da sombra

e os da ensurdecedora luz do sol

 

Poema do poeta holandês Lucebert

_______________________________________________________________________________

Lubertus Jacobus Swaanswijk, plus connu sous le nom de Lucebert, est un poète, peintre et dessinateur néerlandais, né le à Amsterdam et mort le à Alkmaar. Il était un membre du mouvement CoBrA. Sa phrase la plus célèbre est Alles van waarde is weerloos (ce qui pourrait se traduire en français par « Tout ce qui a de la valeur est impuissant/sans défense »).

Un article de Wikipédia, l'encyclopédie libre.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:09



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog




Links

Outras Foleirices

Comunicação Social

Lugares de culto e cultura

Dicionários

Mapas

Editoras

FUNDAÇÕES

Revistas