Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



#2419 - Morte do poeta Armando Silva Carvalho

por Carlos Pereira \foleirices, em 01.06.17

 ARMANDO SILVA CARVALHO (28 de março de 1938 - 1 de Junho de 2017)

 

Armando Silva Carvalho nasceu em Olho Marinho, Óbidos, em 1938. Licenciado em Direito pela Universidade de Lisboa, exerceu advocacia por pouco tempo, optando pelo jornalismo, pelo ensino, pela publicidade e pela tradução.
A sua obra tem vindo a ser reconhecida pela crítica e distinguida com diversos prémios, como o Grande Prémio de Poesia APE, o Prémio PEN Clube, o Prémio Fernando Namora, o Grande Prémio DST Literatura e o Prémio Casino da Póvoa / Correntes d’Escritas, para citar apenas alguns.

Morreu aos 79 anos de idade.

 É quando suspeitamos da nossa identidade

que a escrita fecha a vida

em túmulos minúsculos no templo

duma refeição de pé,

num ofício reles, inacabado.

Muitas vezes não passa dum romance ébrio

que a nós próprios narramos

nas noites inquietas e nas crises de angústia

mais precipitadas.

E  nesses espaços ínfimos

que são opulentos vasos de cicuta

fingimos que dançamos, ousamos que bebemos

e julgamos que ouvimos a voz feliz

de deus, sujeita a transfusões,

às cargas e descargas

das ternas libações duma mesa de outono.

Assim a natureza nos provoca

sabendo que a distância

entre a mão que escreve e o olhar que lê

é infinita.

Por isso nos seduz o cão da morte.

Como se fosse a vida que conformada insiste

e ataca ao entardecer

depois de um filme russo que era só  névoa

só sobre vivência.

 

____________________________________________

 

Ninguém é filho do poema universal.

Nem pai

do seu rebanho de versos.

O que eu busco é um lar.

Um lar mais natural nas palavras

da terra

com os lábios invisíveis sobre o livro

dos mortos.

 

Dois poemas de Armando Silva Carvalho retirados do livro "Obra Poética (1965-1995)", páginas 631 e 634 - Edições Afrontamento, Julho de 1998 e com prefácio de José Manuel de Vasconcelos.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:12


#2361 - Morreu o escritor brasileiro Antonio Candido de Mello e Souza

por Carlos Pereira \foleirices, em 12.05.17

ANTONIO CANDIDO DE MELLO E SOUZA (1918-2017)

 

Morreu António Candido de Mello e Souza aos 98 anos.

Escritor, crítico literário, sociólogo e professor universitário foi, também, um reputadíssimo estudioso da literatura brasileira e estrangeira.

Vulto maior da cultura brasileira, foi galardoado com o Prémio Camões em 1998.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:29


#2350 - Morreu Armando Baptista-Bastos

por Carlos Pereira \foleirices, em 09.05.17

ARMANDO BAPTISTA-BASTOS (1934-2017)

 

Jornalista e escritor, morreu hoje em Lisboa aos 83 anos

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:29


#2260 - Morreu o Escritor Fernando Campos (1924-2017)

por Carlos Pereira \foleirices, em 03.04.17

 

Fernando Campos, filólogo e escritor, autor de romances históricos como A Casa do Pó e a Sala das Perguntas entre outros, morreu no dia 1 de Abril com 92 anos.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:43


#2215 - Derek Walcott, poeta, morre aos 87 anos

por Carlos Pereira \foleirices, em 17.03.17

Derek Walcott, poeta caribenho, Prémio Nobel da Literatura em 1992 e galardoado com vários prémios literários e académicos, morre aos 87 anos. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:46


#1897 - Doris Lessing (22 Outubro 1919-17 Novembro 2013)

por Carlos Pereira \foleirices, em 17.11.13

 

Faleceu hoje Doris Lessing, escritora britânica, Prémio Nobel da Literatura em 2007.

 

Filha de pais britânicos, nasceu em 1919, em Kermanshah, na Pérsia (atual Irão). Em 1925, mudou-se com a família para uma fazenda na Rodésia do Sul (hoje Zimbábue). Lá viveu até 1949, quando foi para Londres, levando o manuscrito de seu primeiro romance, The grass is singing, que obteve expressivo sucesso internacional quando lançado. Autora de uma obra extensa, que inclui ensaios, contos, romances e textos memorialísticos, Doris Lessing ganhou diversos prêmios, entre eles o Somerset Maugham (1954), o W. H. Smith Award (1986), o Mondello (1987), o Prêmio Internacional da Catalunha (1999), o Príncipe de Astúrias (2001) e o Prêmio Nobel de Literatura (2007).

 

PRÉMIOS E NOMEAÇÕES

1954 Somerset Maugham Award Five
1971 Booker Prize for Fiction (shortlist) Briefing for a Descent into Hell
1976 Prix Médicis (França) The Golden Notebook
1981 Austrian State Prize for European Literature
1981 Booker Prize for Fiction (shortlist) The Sirian Experiments
1982 Shakespeare Prize (Alemanha)
1985 Booker Prize for Fiction (shortlist) The Good Terrorist
1985 WH Smith Literary Award The Good Terrorist
1989 Premio Grinzane Cavour (Itália)
1995 James Tait Black Memorial Prize (for biography) Under My Skin
1995 Los Angeles Times Book Prize (Biography) Under My Skin
1999 Companion of Honour (Governo Britânico)
1999 Premio Internacional, Cataluna (Espanha)
2001 David Cohen British Literature Prize
2001 Recebeu o Prémio Príncipe das Astúrias em 2001, pela defesa da liberdade no Terceiro Mundo e pelo empenho em outras causas de solidariedade.
2005 Man Booker International Prize (shortlist)
2007 Man Booker International Prize (shortlist)
Doutoramento honoris causa atribuído pela Universidade de Harvard.

 

As Avós - E Outras HistóriasO Sonho Mais DoceGatos e Mais GatosUm Homem e Duas MulheresO Quinto FilhoA FendaAmar de NovoA Boa TerroristaA Erva CantaOs Diários de Jane Somers - Vol. IOs Diários de Jane Somers - Vol. II

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:56


#1696 - Morreu o escritor mexicano Carlos Fuentes (1928-2012)

por Carlos Pereira \foleirices, em 15.05.12

 

Carlos Fuentes, vencedor do Prémio Cervantes em 1987 e do Príncipe das Astúrias em 1994, era um dos escritores mexicanos mais reconhecidos.

 

O escritor mexicano Carlos Fuentes faleceu hoje, aos 83 anos, num hospital na Cidade do México. O autor de "A Morte de Artemio Cruz" e "Em 68" escreveu mais de 20 livros.

 

Era conhecido também por seu olhar crítico sobre a sociedade mexicana contemporânea e a política neoconservadora do ex-Presidente norte-americano George W.Bush.

 

Numa mensagem divulgada através do Twitter, o Presidente do México, Felipe Calderón, afirmou lamentar "profundamente a morte do nosso querido e admirado Carlos Fuentes, escritor mexicano e universal. Descanse em paz".

 


Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:33


Abbey Lincoln [1930-2010]

por Carlos Pereira \foleirices, em 15.08.10

A aclamada cantora e compositora de jazz norte-americana Abbey Lincoln, conhecida também pelo seu activismo político e compromisso com as minorias, morreu ontem em Nova Iorque, aos 80 anos

 

In

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:44


#1297 - João Aguiar [28 Outubro 1943 - 3 Junho 2010]

por Carlos Pereira \foleirices, em 06.06.10

 

 

João Aguiar nasceu em Moçambique  em 1943, faleceu em Lisboa em 3 de Junho 2010,  sendo licenciado em Jornalismo pela Universidade Livre de Bruxelas. No catálogo da ASA figuram os seus catorze romances (A Voz dos Deuses, O Homem Sem Nome, O Trono do Altíssimo, Os Comedores de Pérolas, A Hora de Sertório, A Encomendação das Almas, Navegador Solitário, Inês de Portugal, O Dragão de Fumo, A Catedral Verde, Diálogo das Compensadas, Uma Deusa na Bruma, O Sétimo Herói e O Jardim das Delícias) e um livro de contos (O Canto dos Fantasmas), além da série juvenil O Bando dos Quatro.
Parte da sua obra está traduzida em Espanha, Itália, Alemanha e Bulgária.

 

Bibliografia ASA

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:13


#1167 - Rosa Lobato de Faria (1932-2010)

por Carlos Pereira \foleirices, em 02.02.10

Rosa Lobato Faria morreu aos 77 anos

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:04


James Graham Ballard [1930-2009]

por Carlos Pereira \foleirices, em 20.04.09

James Graham Ballard,  autor do Império do Sol que Spielberg adaptou ao cinema faleceu no dia 19 de Abril aos 78 anos.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:57


John Updike: 1932 - 2009

por Carlos Pereira \foleirices, em 29.01.09

 

O escritor norte-americano John Updike, um dos mais prolíficos autores da literatura norte-americana, faleceu aos 76 anos, vítima de cancro pulmonar. 

Considerado pela crítica um dos mais acutilantes analistas da sociedade norte-americana, Updike escreveu mais de 50 livros, muitos deles traduzidos em Portugal, como «A Feira», «A escola de música», «Casais trocados», «O centauro», «As bruxas de Eastwick», «Corre Coelho», «Coelho enriquece», «Brasil», «O terrorista».

As suas obras, várias delas distinguidas com alguns dos mais prestigiosos prémios literários - nomeadamente dois Pulitzer e dois National Book Awards - estiveram muitas vezes nas listas dos «best-sellers» nos Estados Unidos.

Sobretudo conhecido como romancista - «A Feira» foi o seu primeiro livro traduzido em Portugal - Updike escreveu também poemas e contos, fez crítica literária e escreveu um livro de memórias e um famoso ensaio sobre o jogador norte-americano de basebol Ted Williams.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:22


Tereza Coelho (1959-2009)

por Carlos Pereira \foleirices, em 19.01.09

«Pessoalmente, gostaria que as mulheres parassem de contar a vida delas, que ser escritor não fosse uma obsessão nacional e que se tornasse mais difícil publicar.»

 

Tereza Coelho, editora das Publicações Dom Quixote e do escritor António Lobo Antunes, morreu.

 

Ex-jornalista, considerada uma das melhores da sua geração, trabalhou no semanário “Expresso”. Foi a primeira directora da revista “Elle” e integrou a equipa que fundou o PÚBLICO. Saiu depois para o “Independente”, para ser directora da revista “Livros”, distribuída com este semanário (que mais tarde passou a ser vendida em banca como “Os Meus Livros”).


Tereza Coelho nasceu a 2 de Março de 1959, em Quelimane, em Moçambique, e veio para Portugal aos 14 anos. Viveu na Figueira da Foz e mais tarde veio estudar para Lisboa, onde se licenciou em Línguas e Literatura, na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa.


Abandonou a longa carreira de jornalista e de crítica literária e foi trabalhar com Zita Seabra na editora Bertrand. Mais tarde mudou-se para as Publicações Dom Quixote, onde se dedicava a editar António Lobo Antunes e outros escritores portugueses, como Mário Cláudio. Nesta editora publicou o polémico livro “Eu, Carolina”, de Carolina Salgado.


Foi também tradutora de várias obras da escritora Marguerite Duras, de quem era amiga. É autora dos livros “António Lobo Antunes – Fotobiografia” (Publicações Dom Quixote, 2004), “A Sexualidade Traída” que escreveu em conjunto com Francisco Allen Gomes (Âmbar) e “Moda em Portugal nos Últimos 30 anos” (edições Rolim) e “Tentação” (Publicações Europa-América) – a adaptação do guião do filme “Tentação”, de Joaquim Leitão, para novela a pedido do produtor Tino Navarro.


Tereza Coelho foi casada com o professor Eduardo Prado Coelho, de quem se divorciou. Era casada com o escritor e jornalista Rui Cardoso Martins, com quem teve dois filhos.


Com Rui Cardoso Martins escreveu o argumento para uma longa-metragem, que está actualmente em rodagem, com realização de João Mário Grilo.

 

Post retirado do blog "Ciberescritas"

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:44


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog




Links

Outras Foleirices

Comunicação Social

Lugares de culto e cultura

Dicionários

Mapas

Editoras

FUNDAÇÕES

Revistas