Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



#2735 - "O ROSTO DO PORTO" NA LIVRARIA LELLO

por Carlos Pereira \foleirices, em 12.01.18

 

A Livraria Lello, no Porto, vai acolher a instalação artística “O Rosto do Porto”, que consiste em 400 bustos de figuras da cidade, a inaugurar no sábado, quando se assinala o 112.º aniversário do espaço.

A instalação, cujas esculturas foram levadas a cabo por Ester Monteiro, retrata em bustos de barro “anónimos e figuras conhecidas do Porto”, numa celebração da cidade “através dos rostos de quem a faz, de quem a habita e a representa”, explicou o Bairro dos Livros, que assumiu a responsabilidade artística do projeto, em comunicado.

Patente a partir das 10h00 de sábado, dia de aniversário para o qual está prevista a visita do ministro da Cultura, Luís Filipe Castro Mendes, “O Rosto do Porto” conta com quatro centenas de retratos feitos entre novembro de 2017 e os primeiros dias de 2018.

A instalação reflete um trabalho de “cerca de 300 horas dedicadas à modelação dos bustos”, realizada na própria Lello ou em vários estabelecimentos comerciais da cidade, como o Mercado do Bolhão.

Entre as figuras retratadas estão nomes como o autor Richard Zimler, o cineasta João Botelho, o arquiteto Siza Vieira e o encenador Nuno Carinhas, diretor artístico do Teatro Nacional São João, além do deputado do PS Alexandre Quintanilha e o médico e investigador Manuel Sobrinho Simões, diretor do Instituto de Patologia e Imunologia Molecular da Universidade do Porto (Ipatimup).

Entre os anónimos, destacam-se os artistas urbanos Hazul, Mr. Dheo e Godmess, cuja identidade é desconhecida, mas também outras personalidade da cidade, como “Manel do Laço, o Sr. Alcino Sousa, do Bolhão, e a D. Hermínia, da clássica Taberna de Santo António”.

As crianças também fazem parte das 400 caras portuenses, depois de uma visita ao Colégio Nossa Sr.ª da Esperança. Os bustos vão ficar instalados “nos nichos do piso superior da livraria”, recuperados no âmbito do restauro que o estabelecimento tem atravessado nos últimos dois anos.

Segundo a administração da livraria portuense, composta por Aurora Pedro Pinto e José Manuel Lello, citada em comunicado, o projeto faz parte do esforço de celebração do património “material e imaterial” da Lello, através de um “recurso artístico que preserva para o futuro a memória das grandes figuras e personalidades de uma cidade”.

 

NOTÍCIA DA AUTORIA DA AGÊNCIA LUSA

Agência Lusa

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:51


#2234 - Feridas na paisagem - Instalação

por Carlos Pereira \foleirices, em 23.03.17

 

"FERIDAS NA PAISAGEM"  é o nome de uma "Instalação" que pode ser vista todos os dias e a qualquer hora, situada na zona verde junto das piscinas municipais em Santa Maria da Feira.

 

 

05-IMG_1607.JPG

06-IMG_1608.JPG

 

07-IMG_1609.JPG

08-IMG_1610.JPG

09-IMG_1611.JPG

 

04-IMG_1606 - Cópia.JPG

01-IMG_1603 - Cópia.JPG

02-IMG_1604 - Cópia.JPG

03-IMG_1605 - Cópia.JPG

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:35


#902 - Investigação Sobre o Amor

por Carlos Pereira \foleirices, em 28.07.09
Sophie Calle em Paris, na Biblioteca Nacional da França, que abrigou a mostra Cuide de Você em 2008. O papel no chão simboliza o e-mail de rompimento enviado à artistaGrégoire Bouillier

Sophie Calle em Paris, na Biblioteca Nacional da França, que abrigou a mostra Cuide de Você em 2008. O papel no chão simboliza o e-mail de rompimento enviado à artistaGrégoire Bouillier


Um debate na Flip, um livro e uma instalação buscam compreender por que o escritor Grégoire Bouillier terminou o namoro com Sophie Calle, a cultuada artista contemporânea francesa.

 

Ler aqui

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:04

 

EXPOSIÇÕES

 

 

Paulo  Neves

 

Paulo Neves

 

Máquina de fazer rios e animar espíritos

 

Instalação

 

Há setenta anos desceu de Arões, que fica ainda acima de Arouca, um moço que veio trabalhar para as terras do meu Avô em Cucujães. O Quim trazia consigo os saberes da serra, coisas nunca antes imaginadas nas terras planas de Santa Maria, extraordinários inventos, que a serra engendrava. Um dos mais bonitos era afinal um piano movido a água, em que martelos gigantes basculavam pela gravidade de colheres em madeira que, enchendo lentamente de água, caíam em desequilíbrio sobre sonantes latas. “Malhôs”, como se chamavam, serviam para espantar a natureza, dando fuga aos coelhos bravos que entravam nas hortas e aos lobos famintos que rondavam as casas. Junto de minas ou de levadas, conduzia-se a água por caleja até à máquina, deixando-a a tocar sozinha, como uma máquina de marcar o ritmo, das sonoridades da serra.


Recriar o Malhôs foi sobretudo um exercício de imaginarius, movido pelo desejo de reconstruir as paisagens que já não há. Esta é uma máquina de fazer rios, que também serve para animar espíritos.




IMPORTA/EXPOR-TE

Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto

IMPORTA / EXPOR-TE

 

O projecto de participação da Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto no Imaginarius, coordenado por três docentes, integra a participação de algumas dezenas de alunos em diferentes estágios de formação e provenientes de diversos cursos desta instituição.


Fundado no conceito geral Import/Export, o grupo de trabalho desenvolveu diversos projectos originais, pensados para o evento, relacionados com a memória colectiva, com o estar em festa e com a cultura material, onde a interactividade e a relação com a comunidade local e público em geral foram as preocupações base.


Importar e Exportar produtos, bens, serviços e cultura define o ritmo da nossa contemporaneidade no contínuo elaborar do nosso futuro, com relação directa à evolução económica, mas também cultural, no encontro/acordo/confronto das alteridades.


Assim, parece não existir nada mais fundamental do que a ideia de troca apoiada por uma habilidade de comunicação que estreita diferenças e distâncias.
IMPORTA/EXPOR-TE pretende expor os nossos produtos artísticos, para instigar processos de aceitação/eleição e promover a troca, organizando um comércio que resultará num inport/export contínuo, apoiando uma comunicação que estreitará as nossas diferenças e distâncias.



Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:38


Spencer Tunick, de novo, em Santa Maria da Feira

por Carlos Pereira \foleirices, em 08.05.08

 

 

Spencer Tunick, fotógrafo reconhecido mundialmente pelas suas poses elaboradas e estáticas e imagens de figuras despidas em cenários públicos, regressa a Santa Maria da Feira, no âmbito do Imaginarius – Festival Internacional de Teatro de Rua.

 

Na Biblioteca Municipal, o fotógrafo vai expor registos fotográficos e um vídeo de reportagem relativos à instalação temporária que realizou no Imaginarius, em Santa Maria da Feira, em 2003. A exposição “Spencer Tunick Exhibition” vai estar patente de 14 de Maio até ao final da primeira semana de Junho.

 

 

do site www.imaginarius.pt

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:48


IMAGINARIUS - Festival Internacional de Teatro de Rua - 8.ª Edição

por Carlos Pereira \foleirices, em 08.05.08

Programa do Imaginarius - Festival Internacional de Teatro de Rua, em Santa Maria da Feira.

 

www.imaginarius.pt

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:24


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog




Links

Outras Foleirices

Comunicação Social

Lugares de culto e cultura

Dicionários

Mapas

Editoras

FUNDAÇÕES

Revistas